Valorizamos Profissionais
Desfrute de vantagens únicas Seja Associado

"Reconhecimento e Saudade"

Data
04 Mai 2001

Tocados pela crueza dos factos relatados e pela atitude do reconhecimento de uma singela acção, que julgamos merecer alguma reflexão, transcrevemos carta assinada, recebida em 4 de Maio de 2001.


Antes porém, permitimo-nos enviar ao prezado ex-colega um grande abraço de solidariedade, com os nossos votos de que possa ainda encontrar, pela via positiva da vida, a força na resignação, embora saibamos quão difícil é ultrapassar situações que não se desejam.


 


"Caros amigos e ex-colegas


Recordando a minha carta de 28-11-1994 e v/ carta de resposta de 12-1-1995, na qual V. Exªs amavelmente me oferecem o envio do v/ Jornal, gratuitamente, (favor que jamais poderei esquecer), venho pela presente solicitar que suspendam o envio do mesmo, por motivos facilmente compreensíveis, como refiro.


Agora, com 86 anos e meio de idade, já cheio de maselas que a idade provova vulgarmente, como seja a falta de visão, não posso, infelizmente, satisfazer aquilo que mais adorei na vida: a leitura, especialmente aquela que se relacionava com a minha ex-profissão.


Também com o falecimento de minha mulher, vai para 4 anos, a fiel companheira de 50 anos, tudo na vida deixou de me interessar. Vivo por viver. A resignação tem sido difícil de apaziguar. Até já nem consigo escrever à máquina, razão desta missiva pouco elegante.


Agradecendo do coração, até ao fim da vida que se aproxima, o gesto raro que tiveram durante estes anos, me subscrevo com muita saudade do tempo que o vento levou."